Cabeça de Ameixa

Nome Popular: Cabeça-de-ameixa
Nome Científico: Psittacula cyanocephala
Peso: Aproximadamente 90g
Tamanho: 33 cm
Expectativa Vida: Até 30 anos
Alimentação: Na natureza, comem frutas, sementes, grãos e até partes de flores. Em cativeiro, costuma-se oferecer ração comercial específica, sementes, grãos e frutas.
Reprodução: Colocam de 2 até 6 ovos. O tempo de incubação gira em torno de 21 dias. Freqüentemente se reproduzem em colônias.
Distribuição Geográfica: São originários do nordeste da Índia, além do Butão.
Descrição: Essa espécie é a menor de todas dentro do gênero Psittacula . A plumagem é predominantemente verde e a distinção entre machos e fêmeas se dá através da cor da cabeça. Os machos apresentam-na num tom vermelho-escuro com um "colar" preto e as fêmeas, azul-acinzentado com o "colar" amarelo. São bastante comuns e sua população tem crescido, pois são de fácil adaptação.

Cuiú Cuiú

Nome Popular: Cuiú-cuiú
Nome Científico: Pionopsitta pileata
Peso: 98 a 120g
Tamanho: 22 cm
Expectativa Vida: Aproximadamente 30 anos
Alimentação: Na natureza alimentam-se de frutos, bagas e sementes. Em cativeiro fornece-se mistura de sementes, frutas, verduras, legumes e ração comercial específica.
Reprodução: Botam de 3 a 4 ovos que somente a fêmea choca por 24 dias. O macho alimenta a fêmea durante todo o período. Os filhotes são aquecidos pela mãe até completarem aproximadamente 20 dias. Os filhotes saem do ninho com 52 a 54 dias, mas só se alimentam sozinhos com mais ou menos 5 dias depois.
Distribuição Geográfica: Sudeste do Brasil, do sul da Bahia até Rio Grande do Sul, leste do Paraguai e nordeste da Argentina.
Descrição: Predominantemente verdes com cobertura auricular roxo-amarronzado. Penas das pernas verde-amarelado. Bico cinza-esverdeado tornando-se cor de marfim próximo a ponta. Íris marrom escuro e patas cinza. No macho a testa, o topo da cabeça e a região ao redor dos olhos são vermelhos. Já nas fêmeas, são verdes, sendo que na testa há penas azuis.

Caturrita 

Nome Popular: Caturrita
Nome Científico: Myiopsitta monachus
Peso: 127 a 140g
Tamanho: 29 cm
Expectativa Vida: Aproximadamente 30 anos
Alimentação: Na natureza alimentam-se de sementes, frutos, bagas, nozes, brotos, flores e insetos e suas larvas. Em cativeiro, recomenda-se servir ração comercial específica, sementes, frutas e vegetais.
Reprodução: Botam de 5 a 8 ovos sendo o período de incubação de 23 dias. Os filhotes saem do ninho com aproximadamente 6 semanas.
Distribuição Geográfica: Da Bolívia central e sul do Brasil até a Argentina central.
Descrição: Testa cinza-azulada e topo da cabeça amarronzado. Bochechas cinza-pálido. Penas do peito cinza-amarronzadas bordeadas de branco. Faixa amarelo-oliva no abdômen superior. Baixo abdômen e penas das pernas verde-amarelados. Nuca e pescoço verde brilhante contrastando com o verde-amarronzado do manto. Bico amarronzado. Íris marrom-escuro e patas cinza. Não é possível distinguir machos e fêmeas por características externas.

Grande Alexandre

Nome Popular: Grande-Alexandre
Nome Científico: Psittacula eupatria
Peso: Em torno de 250g
Tamanho: 58 cm
Expectativa Vida: Até 30 anos
Alimentação: Na natureza, comem frutas, sementes, grãos e até partes de flores. Em cativeiro, costuma-se oferecer ração comercial específica, sementes, grãos e frutas.
Reprodução: Colocam um número de ovos que pode variar entre 3 a 4 ovos. O tempo de incubação também varia de 24 a 25 dias.
Distribuição Geográfica: Essas aves ocorrem no Sri Lanka, Paquistão, Afeganistão e Índia.
Descrição: Geralmente, são predominantemente verdes, porém já existem algumas mutações em amarelo e azul. As fêmeas diferem dos machos pela ausência do "colar" rosado que envolve o pescoço dos machos. São bastante comuns e sua população tem crescido com o aumento da agricultura, pois são de fácil adaptação.

Príncipe de Gales

Nome Popular: Príncipe-de-Galles
Nome Científico: Polytelis swainsonii
Peso: 150 a 200g
Tamanho: 33 a 42 cm
Expectativa Vida: Aproximadamente 30 anos
Alimentação: Na natureza, comem frutas, sementes, grãos e até partes de flores. Em cativeiro, costuma-se oferecer ração comercial específica, sementes, grãos e frutas.
Reprodução: Colocam um número de ovos que varia de 2 até 6. O tempo de incubação é de, aproximadamente, 20 dias. Os filhotes dão seu primeiro vôo após 5 a 6 semanas.
Distribuição Geográfica: Esta ave ocorre somente numa pequena região no sul da Austrália.
Descrição: Apresentam a plumagem verde. O macho tem uma "máscara" amarela e uma faixa vermelha no pescoço que não aparecem na fêmea. Além disso, a fêmea exibe uma coloração mais pálida. Sua situação, na natureza, é considerada vulnerável, segundo lista de animais ameaçados de extinção, devido à destruição de habitat e comércio ilegal. A população é estimada em cerca de 5.000 indivíduos.

Príncipe Negro

Nome Popular: Príncipe-negro
Nome Científico: Nandayus nenday
Peso: 90 a 110g
Tamanho: 30 cm
Expectativa Vida: Aproximadamente 30 anos
Alimentação: Na natureza alimentam-se de sementes, frutos, bagas, nozes e provavelmente matéria vegetal. Em cativeiro, recomenda-se servir ração comercial específica, sementes, frutas e vegetais.
Reprodução: Botam de 3 a 4 ovos, cujo período de incubação é de 21 a 23 dias. Os filhotes deixam o ninho com aproximadamente 8 semanas de vida.
Distribuição Geográfica: Ocorre no sudeste da Bolívia, sul do Mato Grosso, Paraguai e norte da Argentina.
Descrição: Verde sendo mais pálido e mais amarelado nas partes dorsais. Cabeça preta e parte superior do peito azul. Penas das pernas vermelhas. Bico preto. Íris marrom-escuro e patas rosa-amarronzado. Não é possível distinguir machos e fêmeas por características externas.

Moustache

Nome Popular: Moustache
Nome Científico: Psittacula alexandri
Peso: 100 a 180g
Tamanho: 33 cm
Expectativa Vida: Aproximadamente 30 anos
Alimentação: Na natureza, comem frutas, sementes, grãos e até partes de flores. Em cativeiro, costuma-se oferecer ração comercial específica, sementes, grãos e frutas.
Reprodução: Colocam um número de ovos que varia desde 2 a 4 ovos. O tempo de incubação é em torno de 21 dias.
Distribuição Geográfica: É uma espécie originária da cordilheira do Himalaia, China e oeste da Indonésia.
Descrição: Apresentam o dorso verde, cabeça cinza clara e azulada com uma faixa preta que se estende até o dorso a partir do bico. O peito é rosa claro e pode haver também um pouco de azul claro. O macho possui o bico de cor laranja, já a fêmea, de cor preta. São bastante comuns e sua população anda crescendo com o aumento da agricultura, pois são de fácil adaptação.

Sabiá Cica

Nome Popular: Sabiá-cica
Nome Científico: Triclaria malachitacea
Peso: 110 a 155g
Tamanho: 28 cm
Expectativa Vida: Aproximadamente 30 anos
Alimentação: Na natureza alimentam-se de frutos, sementes, nozes, bagas, néctar, brotos e possivelmente, insetos e suas larvas. Em cativeiro fornece-se mistura de sementes, frutas, verduras, legumes e ração comercial específica.
Reprodução: Põem de 2 a 4 ovos que a mãe incuba por 24 a 29 dias. Durante esse período, a fêmea não sai do ninho nem para se alimentar.
Distribuição Geográfica: Ocorre no sudeste do Brasil, do sul da Bahia ao Rio Grande do Sul.
Descrição: Verde profundo. Macho de abdômen azul-purpúreo, bico branco berrante. Fêmea de um verde menos carregado, sem azul ventral. Os machos velhos podem apresentar penas vermelhas, em vez de azuis, na barriga. Consta que o azul do macho começa a aparecer já no ninhego, mas pode demorar mais. Sabiá-cica em tupi significa "mãe de sabiá". Espécie criticamente em perigo de extinção.

CRIADOURO GUARUBA/ CASA DO PAPAGAIO
Segunda a Quinta-Feira 9h às 17h
Tel: (11) 3835 - 5160

Todos os dias das 9h às 18h

        11)  9 9985 - 6860


avesguaruba@terra.com.br 

No. 5706381

 

  • w-facebook

© 2013 - Todos os direitos reservados - Criadouro Guaruba